5 LIÇÕES QUE PODEMOS TIRAR DO LOBO DE WALL STREET

Até onde as suas maiores ambições podem te levar? É esse tipo de provocação que faz o filme O lobo de Wall Street. Além de contar a história de um grande empresário, também serve como base de estudo para empreendedores de diferentes nichos com lições de marketing e negócios. Afinal, não é somente em palestras longas ou em aulas dedicadas a esses temas que podemos aprender mais sobre esse grande universo. 

O filme conta a história real de Jordan Belfort, que iniciou a sua vida empreendedora em uma corretora de ações ainda muito jovem e conseguiu transformar uma pequena marca em uma organização de faturamento milionário. Lobo de Wall Street foi o apelido dado a Belfort por muitos anos. A ascensão da empresa e o declínio da mesma por fraudes e decisões ilícitas se intercalam com grandes lições que podemos aprender e colocar em prática nos negócios e empresas. A seguir, leia as cinco lições que podemos tirar do Lobo de Wall Street. 

LIÇÃO 1: A importância de criar a melhor estratégia de Outbound Marketing.

A Agência 904 baseia os serviços de marketing focados nas estratégias de Outbound. Em definição simples, é um processo de prospecção ativa para abordar potenciais clientes que correspondem ao perfil de cliente ideal, que é definido por um conjunto de parâmetros ligados às características do cliente que se adapta melhor à solução oferecida.  

Esse detalhe fica bastante visível no filme O lobo de Wall Street, onde Belfort faz uso das técnicas de prospecção e vendas Outbound em suas ligações e reuniões presenciais. O que criou uma cultura forte e eficiente no simples ato de oferecer algo ao cliente. 

LIÇÃO 2: O poder de um bom guia de argumentos para o time de vendas.

Quando prospectamos clientes, o não já está garantido. Mas como podemos reverter essa temática? Como o próprio filme do Lobo de Wall Street mostra, uma das sacadas de Belfort eram as comissões altíssimas que obtinha em apenas uma ligação. Valores que superavam os três mil dólares eram facilmente alcançados. Isso tudo só foi possível graças ao repertório de argumentos dominado e que gerava grande resultados. 

Isso serve para nos inspirar no momento de vender o nosso produto ou serviço. É preciso estar com o discurso de vendas pronto e ensaiado. Usar as melhores estratégias para lançamentos e conteúdos. Assim, fica muito mais simples fazer uso da persuasão. 

LIÇÃO 3: O discurso ideal de motivação que vai impulsionar a equipe.

Em muitos momentos durante o filme, Belfort reunia seus colaboradores para fazer grandes discursos e comemorações quando as metas eram batidas. Tudo isso nos ensina que devemos sempre motivar a nossa equipe de vendas com mecanismos claros de argumento. Buscar inspiração para esse tipo de trabalho vale a pena. Acreditar que aquelas pessoas podem chegar ao topo e mostrar isso a elas é parte fundamental do serviço. Ai é só colher os frutos! 

“Meu nome é Jordan Belfort. Eu fui criado em um pequeno apartamento no Queens. Aos 22 anos, eu fui para Wall Street. Dentro de meses eu comecei minha própria corretora em uma loja de carros abandonada. No ano em que eu fiz 26 anos, eu fiz 49 milhões de dólares – o que realmente me irritou porque eram míseros um milhão por semana.” 

LIÇÃO 4: Seguir os valores da organização e a importância dessa jogada.

 Todos os valores da sua empresa precisam ser seguidos à risca tanto por você quanto pelos seus funcionários. Afinal, somente assim todos irão seguir os mesmos pilares de sucesso da empresa. Isso fica muito claro durante o filme: todos os funcionários sabiam por qual caminho seguir, onde chegar e como faturar alto com isso. A missão da corretora era clara, a equipe equilibrada e seguindo um raciocínio lógico. 

Aplicar esse tipo de técnica na vida real pode oferecer muitas vantagens para o seu negócio. Uma equipe que fatura alto, que trabalha motivada e uma empresa que se sustenta são pilares de sucesso que podem ser alcançados por um gestor de ideias claras e efetivas. 

LIÇÃO 5: Lealdade, fidelidade e foco para alcançar os objetivos.

De nada adianta uma empresa com ideias claras quando a equipe e os gestores não conseguem se entrosar com lealdade, fidelidade e foco para alcançar os objetivos. O filme mostra em muitas oportunidades os laços fortes mantidos por Belfort com a sua equipe de funcionários mais próximos e também com os demais. Esses laços de amizade, camaradagem e proximidade deixavam todos mais integrados, o que também se acontecia fora da empresa e expediente. 

Caso você consiga oferecer esse tipo de didática aos seus funcionários, certamente ficará mais fácil atingir níveis elevados de satisfação e sucesso aos negócios e faturamento. Afinal, um bom trabalho de execução também passa pelo gerenciamento da equipe. 

Com tantos argumentos fortes e maneiras de ver o mundo dos negócios, fica claro o quanto precisamos acreditar em nossas ideias e negócios. Mais importante ainda é passar todos esses valores para a nossa equipe, pessoas integrantes e responsáveis pelo mecanismo da empresa. O lobo de Wall Street nos abre horizontes sobre o mundo dos negócios. E você? Conta pra gente aí nos comentários o que aprendeu. 

Gostaria de conversar um pouco mais sobre negócios e como aplicar as melhores estratégias para a sua empresa? Venha conversar com a Agência 904! Nós podemos te ajudar a alavancar as vendas através do outbound marketing, uma forma tão valiosa de se chegar mais longe. Fale conosco: https://904.ag/contato/

Compartilhe este post:
Está sentindo o cheirinho? Venha tomar um café com a gente,

Entre em contato