Como utilizar o SEO para os vídeos do YouTube

O SEO pode ser um ótimo artifício para melhorar a visualização de sua empresa e deixa-la ainda mais perto de seus clientes. E isso serve para todos os tipos de conteúdo! Desde seu post no blog, até seus vídeos no YouTube podem ser ajudados e muito pela otimização dos mecanismos de busca.

O porquê de isso acontecer é simples: quanto mais seus clientes conseguem encontrar seus conteúdos, mais eles podem conhecer sobre sua empresa e suas chances de conversão aumentam.

Com um número de 1,8 bilhão de usuários logados mensalmente, o YouTube é uma ótima rede social para investir, estando logo atrás do Facebook em questão de acessos, sendo apenas 10% menor do que o segundo. A cada minuto, 400 horas de novos conteúdos são subidas para a rede, com pessoas assistindo um bilhão de horas de vídeos no YouTube.

É inegável a importância da rede, ainda mais considerando as estatísticas do SmallBiz Trends, que mostra que em 2019, o consumo global de vídeos corresponderá a 80% de todo o tráfego da internet, podendo apenas aumentar o engajamento do público.

Se sua empresa já possui um canal no YouTube ou ainda está analisando a possibilidade de cria-lo, aposte nas técnicas de SEO para ampliar suas chances de sucesso! 😉

 

Como funciona o SEO para YouTube?

Assim como as redes de busca, o YouTube utiliza um sistema de rankeamento e categorização semelhante a do Google para classificar os vídeos no momento em que o usuário procura algo.

São muitos os fatores levados em conta para ranquear os vídeos da rede, desde histórico dos interesses dos usuários e suas buscas pela web, até a confiabilidade do canal do vídeo. Boa parte desses fatores levam em conta o engajamento do público com esses conteúdos.

Para catalisar todo o poder que seu canal pode ter, é imprescindível tornar hábito algumas ações simples e que vão fazer toda a diferença para sua empresa!

 

#1 – Nome do arquivo

Você é daqueles que não presta muita atenção na nomeação dos arquivos e os utiliza nomes como “vídeo 4” ou coisas do gênero? Se sim, é importante se atentar para esse detalhe que pode parecer bobeira, mas não é!

Invista em uma nomeação que fale sobre o que seu conteúdo realmente é. Sempre pensando nas palavras-chave. Se seu vídeo é sobre dicas de como organizar as finanças, nomeie seu arquivo de “dicas-faceis-de-como-organizar-as-finanças.avi” ou com a extensão de arquivo que você escolher.

Utilizar palavras-chave como “dicas”, “como fazer”, “tutorial”, ou diretamente conectadas com o assunto abordado, vai ajudar a ferramenta de busca a entender do que trata seu vídeo.

 

#2 – Título do vídeo

O título que aparece para as pessoas na rede faz muito diferença, inclusive para o mecanismo de busca. Procure deixar as palavras-chave à esquerda, com um texto que desperte o interesse em assistir o vídeo, mas não passe de 70 caracteres!

Seu título precisa sintetizar toda a ideia do vídeo. O conteúdo deve cumprir com a expectativa proposta no título. A opção de utilizar frases mais específicas, conhecidas como Teoria da Cauda Longa, é uma boa maneira para ranquear em assuntos menos competitivos. Mas sempre se atentando para o tamanho do título!

Para descobrir as palavras-chave ideais para utilizar no YouTube, digite o começo do texto que pretende inserir como título e observe com o que a rede completa nas sugestões de temas.

 

#3 – Preste atenção no tamanho do vídeo!

Em geral, é comum que os vídeos mais longos sejam ranqueados em primeiro, mas o conteúdo precisa ser de qualidade e realmente ser rico a ponto de ter um tempo maior. Opte por conteúdos com mais de 5 minutos e sempre analise como são os resultados gerados pelos conteúdos. Faça testes!

Disponibilize sempre o vídeo em HD e com alta resolução, e traga valor e relevância ao seu conteúdo durante todo o vídeo. Tente encontrar o equilíbrio de qual é o tempo suficientemente grande para transmitir o que é necessário, sem se tornar maçante, fazendo seus usuários abandonarem o vídeo.

 

#4 – Descreva!

Para que seu vídeo seja ranqueado de maneira positiva, o primeiro passo é fazer com que o mecanismo do YouTube entenda com detalhes sobre o que é seu conteúdo. Preencha as informações com pontos essenciais e relevantes, destacando o uso das palavras-chave padrão e também as mais específicas, de cauda longa.

Aproveite a oportunidade para deixar os dados de suas outras redes sociais, assim os usuários conseguem ter acesso fácil a mais formas de contato com sua empresa.

 

#5 – Use o poder das tags

Assim como a descrição, as tags servem para que o sistema entenda sobre o que seus vídeos falam. É como se fossem palavras-chave do seu blog.

O YouTube tem ligação direta com o buscador do Google, então utilize tags que possam servir para ranquear também na aba de vídeos do Google, não apenas nos resultados gerais.

 

#6 – Divulgue muito!

Seus views não vão cair do céu! É muito importante que todo conteúdo seja divulgado, para que as pessoas possam realmente encontrar seus vídeos e apreciar seu trabalho.

O ranqueamento de seus vídeos é diretamente impactado pelo engajamento e visualização do seu vídeo. Então capriche e faça o máximo para que mais pessoas vejam seus vídeos.

Crie playlists de conteúdos que se entrelaçam, ou então dos mais acessados. Compartilhe nas outras redes sociais, invista em um link building de qualidade para levar esses conteúdos para cada vez mais perto das personas de sua marca.

 

#7 – Crie anotações de CTA

No YouTube é possível criar anotações que funcionam como CTAs (Call To Action) que surgem na tela durante seu vídeo. Essa ferramenta pode ser utilizada com um botão para que o usuário se inscreva no seu canal, ou então acesse outro conteúdo.

Como utilizar o SEO para os vídeos do YouTube | Agência 904

Na imagem, a miniatura à esquerda da tela de exibição é uma anotação chamado para assistir outro vídeo.

Pequenos trailers levando para conteúdos mais encorpados também podem funcionar muito bem com as anotações. Mas sempre tome cuidado para não exagerar! Colocar muitas anotações pode atrapalhar a visualização do conteúdo e espantar o usuário.

 

#8 – Transcrição na descrição

É importante que as pessoas que não deem o play em seu vídeo tenham a oportunidade de conhecer mais sobre seu conteúdo. Adicionar uma transcrição simples e direta, mas sem perder qualidade, a descrição do vídeo não é tão complexa, ajuda seus usuários e também ao Google a indexar seu conteúdo mais rapidamente, melhorando seu SEO.

 

#9 – Tenha boas thumbnails

Aqui precisamos falar sobre aquelas miniaturas dos vídeos antes mesmo do play. O YouTube sugere automaticamente três opções de partes do vídeo para adicionar como thumbnail.

Procure deixar uma capa que venda bem o seu conteúdo, que seja atraente e realmente mostre a qualidade que seus usuários buscam. Uma boa estratégia é capturar um frame e inserir o título em caracteres.

 

#10 – Mantenha a interação viva!

Não deixe os comentários de seus vídeos sem responder. Sempre dê atenção aos usuários que interagem com sua marca. Aproveite o espaço para indicar outros conteúdos também!

Evite comentários maldosos, discussões fora do contexto e spammers!

 

#11 – Otimize o canal!

A qualidade de seus vídeos precisa estar em seu canal também! Preste atenção nos principais elementos que compõe seu canal, edite tudo sempre pensando na identidade visual de sua marca.

Tenha uma coerência visual dentro de seu canal e respeitando o que sua marca pretende passar como imagem. Tente conversar com seu público, encaixando o que ele espera em seu canal.

 

Quanto mais detalhadas forem as descrições de seus vídeos, tags e tudo que o mecanismo utiliza para interpretar seu conteúdo, melhor para sua marca. Capriche nesses detalhes para que tudo possa ser feito da melhor forma possível.

Adequar seu conteúdo ao que o público espera é essencial e trazer sempre conteúdos ricos e que resolvem os problemas e dores de seus usuários faz com que surja a vontade deles voltarem em seu canal para consumir mais.

Invista em qualidade! Trabalhos que são feitos com atenção nos detalhes fazem toda a diferença e podem aumentar muito as chances de sua marca entrarem de vez na vida do cliente!

 

Gostou das nossas dicas? Conta para a gente nos comentários!

 

Fique por dentro do mundo do Marketing Digital. Continue acompanhando nossas redes sociais e nosso blog! 😉

Compartilhe este post:
Está sentindo o cheirinho? Venha tomar um café com a gente,

Entre em contato